domingo, 1 de agosto de 2010

O verdadeiro milagre...

... é a vida. Fogueira que se acende, fogueira que se extingue. O verdadeiro milagre é a flor que desabrocha e depois se transforma no grau zero do perfume.
O verdadeiro milagre não é o fenómeno, nem a vida é um circo. O milagre é respirar e integrar o ar na fogueira e na flor.
Milagre é sentir ainda em cada fogueira extinta a respiração quente dos avós sentados ou acocorados junto ao lume do calor, da transformação e da protecção. O milagre é reproduzir esse gesto e sentir na nuca o amor antigo dos que já partiram mas continuam a velar para que o fogo permaneça intenso e vivo. Como possibilidade. Acima ou sob todas as fogueiras extintas, existe um lume eterno cujo nome cada um guarda no coração como o único e precioso fósforo. De ouro.

9 comentários:

MUSICA ESCARLATE disse...

O verdadeiro Milagre - belissimo texto este da arqueologia dos sentimentos e da ancestralidade na Vida. Palavras que ressoam forte desde a tribo à reunião dos afectos. O eterno...
Grata pela partilha desta reflexão.

RisoletaC Pinto Pedro disse...

Muito obrigada. Estive em Música Escarlate e na Cidade dos Sufis e gostei muito. Apetece passear por lá.
R

MUSICA ESCARLATE disse...

Entre Risoleta na Cidade dos Sufis e na Música Escarlate. Será sempre bem vinda e terá uma sonoridade especial esperando por si. Grata pelas suas palavras.
Continue reflectindo e ecrevendo, partilhando;))

P.S. gosto de a ler.

estudo geral disse...

Muito bonito, bem escrito, cheio de poesia e de musicalidade. Deu gosto de ler. O milagre da vida é mesmo viver... Tal como o melhor da poesia é ser poema.

saudade,
Luis Santos

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

...traigo
sangre
de
la
tarde
herida
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


TE SIGO TU BLOG




CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...


AFECTUOSAMENTE
RISOLETAC PINTO

ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE CACHORRO, FANTASMA DE LA OPERA, BLADE RUUNER Y CHOCOLATE.

José
Ramón...

RisoletaC Pinto Pedro disse...

Olá Luís, também gostei de ter notícias suas e de ficar a conhecer o Estudo Geral, que não conhecia. E gostei. Obrigada. Até um dia por aí, nos blogues ou nas cidades.

Paulo Borges disse...

Texto de ouro.

RisoletaC Pinto Pedro disse...

Grata, Paulo. Também pelo hospitaleiro acolhimento neste sítio.

Sandra Raposo Tenório disse...

Este texto é milagroso.Eterniza os que amamos.Puro lume.Lindo,Risoleta.Sensibilizei-me.Grata!
Sandra